Início do conteúdo

CONSUMO DE ÁLCOOL ENTRE ADOLESCENTES DE ESCOLAS MUNICIPAIS ATENDIDAS PELO PROGRAMA SAÚDE NA ESCOLA

RESUMO - INTRODUÇÃO: O álcool é a substância psicoativa mais utilizada no mundo e seu uso abusivo é capaz de causar transtornos no campo individual e coletivo, desde doenças sistêmicas, agravos à saúde e custos com a prevenção do uso e tratamento aos dependentes. OBJETIVO: Avaliar os fatores associados e o padrão de consumo de bebidas alcoólicas entre adolescentes estudantes de escolas municipais de uma zona rural, no município de José de Freitas/Piauí/Brasil. MÉTODO: o estudo foi do tipo descritivo transversal, realizado em duas escolas da área adscrita da Unidade Básica de Saúde, na comunidade Graciosa e cobertas pelo Programa Saúde na Escola. A amostra foi censitária, com 151 alunos, com idade entre 10 e 19 anos. Utilizou-se um questionário, elaborado pela autora para coleta de informações socioeconômico, ano escolar, repetência escolar, antecedentes familiares com uso de bebidas alcoólicas e envolvimento com situação de risco (furtos, acidentes, violência). Para o levantamento do padrão de consumo do álcool foi aplicado o Alcohol Use Disorders Identification Test, instrumento já validado no Brasil, que avalia o padrão de consumo de álcool. A coleta de dados foi realizada nos meses de março e abril de 2019. O projeto foi submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Piauí e aprovado com o número do parecer 3.131.086. Os dados foram submetidos a processo de dupla digitação e, posteriormente exportados e analisados no software Statistical Package for the Social Science versão 20.0. A amostra foi caracterizada por meio de estatísticas descritivas, de frequências absolutas e relativas. RESULTADOS: A maioria dos jovens estava na faixa etária de 10 a 14 anos, sexo masculino e 40% já havia repetido o ano. Houve o consumo de bebida alcoólica por 13,2% dos jovens e “uso em binge” em 7,3%. Predomínio do consumo pelo sexo feminino e entre alunos que cursavam o 9º ano escolar. CONCLUSÃO: Com o estudo, foi possível elencar pontos voltados para a realidade social como maior consumo de bebida alcoólica entre adolescentes de 10 a 14 anos de idade, sexo feminino, que cursam o 9º ano escolar e com familiares que fazem o uso de álcool. Características que devem ser trabalhadas por uma rede de apoio voltada para esses jovens.

Descritores: Consumo de Álcool por menores. Estratégia Saúde da Família. Serviços de Saúde Escolar.

Voltar ao topoVoltar