Início do conteúdo

EFEITOS DE UMA INTERVENÇÃO EDUCATIVA SOBRE CUIDADOS COM A POSTURA PARA ESCOLARES DO ENSINO FUNDAMENTAL

RESUMO: A relação entre as ações de saúde com as da educação se faz necessária para o alcance da promoção da saúde e o avanço da consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS). A pactuação de apoio entre estes dois setores, Saúde e Educação, possibilita práticas de promoção, bem como de prevenção de agravos à saúde e doenças de crianças e adolescentes. O objetivo desse estudo foi verificar os efeitos de um programa de intervenção educativo sobre cuidados com a postura para escolares do ensino fundamental de uma escola do município de Crato-CE. O estudo utilizou um grupo experimental e um grupo controle, com a realização de pré-teste e pós-teste. A amostra foi intencional e constituída por 131 participantes com idades entre 11 e 14 anos, onde 65 escolares constituíram o grupo experimental e 66 o grupo controle. A intervenção foi realizada através da “Back Schoolchildren” “Escola de Postura para crianças”. O instrumento utilizado foi o questionário Back Pain and Body Posture Evaluation Instrument (BackPEI) o qual foi aplicado antes da primeira ação educativa e após a última intervenção, repetindo após 8 semanas. Os resultados demonstraram alta prevalência de hábitos posturais inadequados na pré-intervenção, em ambos os grupos, nas atividades de vida diária que incluem o sentar na escola para escrever, o sentar durante a rotina, o sentar para utilizar o computador, a maneira como se agacha para pegar objetos do chão. Em contrapartida, foi encontrada uma prevalência satisfatória de hábitos posturais adequados para transportar o material escolar, assim como o modo utilizado para este transporte. Após a intervenção, os pós-testes realizados com o grupo experimental apresentaram mudanças satisfatórias com relação a todos os comportamentos estudados, diferentemente do grupo controle. Conclui-se que a intervenção proporcionou conscientização dos estudantes quanto às posturas mais adequadas a serem adotadas no dia a dia e que o trabalho educativo para a aquisição de conhecimento é relevante para a adoção de hábitos posturais saudáveis para a prevenção de desvios posturais.

Palavras Chaves: Promoção da Saúde; Educação em saúde; Escola de Postura.

Voltar ao topoVoltar