Início do conteúdo

POSSIBILIDADES DE ATUAÇÃO DO NÚCLEO AMPLIADO DE ATENÇÃO À SAÚDE DA FAMÍLIA E ATENÇÃO BÁSICA NA GESTÃO DO CUIDADO À CRIANÇA COM DOENÇA CRÔNICA

RESUMO - Introdução: Os Núcleos Ampliados de Saúde da Família e Atenção Básica se consolidam na Atenção Primária no Brasil com o intuito de garantir a longitudinalidade do cuidado por meio de ações que impactem diretamente nas condições de saúde das pessoas. Objetivo: Compreender as ações do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica na gestão do cuidado a crianças com doença crônica na Atenção Primária à Saúde. Metodologia: Pesquisa de abordagem qualitativa de cunho exploratório-descritiva. O estudo foi realizado com profissionais que atuam em equipes do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica de um município de grande porte de Pernambuco. A coleta de dados foi realizada através da técnica de grupo focal, nos meses de fevereiro e abril de 2019. O material empírico foi interpretado por meio de análise temática. Resultados: O apoio matricial embasa a atuação das equipes, as atividades contemplam o cuidado tanto individual quanto coletivo, ressaltando as seis dimensões da gestão do cuidado, mesmo que parcialmente. As dimensões organizacional e profissional tiveram destaque positivo no que se refere à organização de fluxos formais de cuidado e construção/fortalecimento de vínculos com base no trabalho integrado entre as equipes envolvidas. Porém, nas dimensões sistêmica e societária fragilidades foram encontradas quando se identificou a realização de encaminhamentos informais da atenção primária para a rede especializada, comprometendo o processo de referência e contrarreferência, e a ausência de vagas suficientes pelo sistema de regulação do município estudado. Conclusão: O trabalho multiprofissional das equipes dos Núcleos Ampliados de Saúde da Família e Atenção Básica junto às Equipes de Saúde da Família de referência, aumenta a possibilidade de um cuidado longitudinal na atenção primária, promovendo novos formatos organizativos de fazer saúde que favorecem a gestão do cuidado às crianças com doenças crônicas.

 

Descritores: Atenção Primária à Saúde. Estratégia Saúde da Família. Saúde da Criança. Doença Crônica. Família.

Voltar ao topoVoltar