Início do conteúdo

A SAÚDE DO TRABALHADOR NO DISCURSO DOS PROFISSIONAIS DO NÚCLEO AMPLIADO DE SAÚDE DA FAMÍLIA E ATENÇÃO BÁSICA

RESUMO: O Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (Nasf-AB) foi instituído com proposta de ampliar a capacidade resolutiva da Atenção Primária à Saúde (APS) por meio do Apoio Matricial. Apesar de seu escopo de ações incluir o olhar para a Saúde do Trabalhador (ST), na prática o desenvolvimento de ações voltadas para esse campo tem sido insipiente, carecendo de investigações que tragam as concepções conferidas a ST pelo Nasf-AB e seus desdobramentos com vista à produção de cuidados na APS. Assim, esse estudo objetivou compreender o(s) discurso(s) e os significados atribuídos à ST pelos profissionais do Nasf-AB através de uma pesquisa qualitativa, com perspectiva teórico-metodológica da Análise de Discurso de origem francesa, realizada na 9ª Região de Saúde do estado da Paraíba com 13 profissionais de saúde do Nasf-AB. O material empírico obtido mediante técnica de entrevista semiestruturada, foi gravado, transcrito e submetido a análise fazendo emergir para a exploração conceitos-análise. No primeiro artigo intitulado “Do „como é‟ ao „como deveria ser‟: discursos sobre o trabalho no Nasf-AB” insurgiu o conceito-análise “trabalho no Nasf-AB” construído por meio dos discursos sobre o trabalho em equipe, fluxo de acesso e processo de trabalho no Nasf-AB. No segundo artigo “Concepções e práticas sobre a Saúde do Trabalhador no discurso dos profissionais do Nasf-AB”, o conceito-análise averiguado foi “saúde do trabalhador” por meio dos discursos a respeito da relação trabalho-saúde-doença e do trabalhador. Conclui-se que o discurso do Nasf-AB ainda é hegemonicamente voltado ao modelo biomédico na atenção e no cuidado em saúde e, consequentemente, em ST, mas que esses profissionais se reconheceram enquanto trabalhadores que tecem uma identidade mediada por noções herdadas de trajetórias acadêmicas e profissionais e relações de força que incidem sobre a sua prática e conforma essa atuação predominantemente especialista e assistencial, gerando também sentimentos de insatisfação e desejo por transformação do seu cotidiano de trabalho. É preciso fornecer ao Nasf-AB ferramentas para agir em ST enquanto apoiador matricial, de modo a avançar na visibilidade e no cuidado integral aos trabalhadores no âmbito da APS.

 

Descritores: Atenção Primária à Saúde; Vigilância em Saúde do Trabalhador; Profissional de Saúde; Pesquisa Qualitativa; Discurso.

Voltar ao topoVoltar