Mestrado Profissional em Saúde da Família – MPSF/RENASF

Vídeo de Apresentação do MPSF – 2019

A proposta do Mestrado Profissional em rede é fruto de experiências acumuladas de cooperação e intercâmbio entre as instituições da Rede Nordeste de Formação em Saúde da Família (RENASF). Com isso, a associação de instituições do Nordeste Brasileiro possibilitou a concretização da primeira turma (2012-2014) do Mestrado Profissional em Saúde da Família (MPSF), com 100 alunos, divididos em 6 instituições nucleadoras, assim como a segunda turma (2014-2016) com 130  alunos, distribuídos em 9 Instituições Nucleadoras. Por sua vez, a terceira turma do mestrado teve o ingresso de 190 alunos distribuídos em 9 nucleadoras, localizadas em cinco estados do nordeste (Ceará – CE, Piauí – PI, Maranhão – MA, Pernambuco – PE, Rio Grande do Norte – RN e Paraíba – PB). A quarta turma do MPSF (2020-2022) está sendo iniciada com 170 mestrandos, distribuídos nas 9 nucleadoras citadas.

O MPSF tem como prioridade fortalecer a formação de profissionais da Estratégia Saúde da Família (ESF), incentivando-os que permaneçam nos serviços, que usem do método científico e de evidências para a tomada de decisões e para a gestão do processo de trabalho e do cuidado. Buscamos, ainda, fortalecer a formação de profissionais que atuem com competência para a preceptoria, pois os sistemas saúde-escola e a lógica da educação permanente colocam o desafio do acompanhamento de estágios curriculares na graduação, especialização, internato e residência. E, não menos importante, fortalecer as atividades de produção do conhecimento e ensino da RENASF. 

Nome do Curso: Mestrado Profissional em Saúde da Família (MPSF)

Área Básica: Ciências da Saúde

Área de Concentração: Saúde da Família

Área de Avaliação: Saúde Coletiva

Nível do Curso:  Mestrado Profissional 

Público alvo: Profissionais da área da saúde que estejam inseridos na atenção básica (ESF e NASF).

Objetivos Gerais

  • formar lideranças para exercer atividades de investigação e de ensino em serviço, sem afastarem-se de suas atividades na atenção ou gestão da ESF;
  • fomentar o trabalho em equipe através do diálogo entre profissionais da equipe básica e dos Núcleos de Apoio à Saúde da Família e
  • articular elementos da educação, atenção, gestão e investigação no aprimoramento da ESF e do Sistema Único de Saúde, com ênfase na atenção primária.

Objetivos específicos:

  • apropriar-se da proposta pedagógica do MPSF;
  • realizar ações de promoção da saúde;
  • atuar na estratégia saúde da família na perspectiva da integralidade e humanização da atenção primária;
  • utilizar métodos científicos para elaboração de projeto de investigação ou intervenção;
  • desenvolver atividades de educação em saúde no contexto da atenção primária;
  • produzir e utilizar informações em saúde na atenção primária;
  • desenvolver projeto de investigação ou de intervenção como requisito para o trabalho de conclusão do curso;
  • realizar a atenção e a gestão do cuidado do indivíduo, família e comunidade;
  • realizar a gestão do processo de trabalho na estratégia saúde da família;
  • realizar ações de planejamento e avaliação na atenção primária em saúde;
  • desenvolver atividade de preceptoria nos serviços de saúde.
  • reconhecer as bases do ensino das profissões da saúde.
  • desenvolver organização curricular de programas educacionais.

Perfil dos egressos

O curso se propõe a capacitar profissionais qualificados com habilitação e experiência em pesquisa e ensino em serviço, os quais utilizem abordagens técnicas, científicas, gerenciais, éticas e de liderança na área da Estratégia de Saúde da Família, capazes de desenvolver o trabalho em equipes interprofissionais, articulando elementos de educação, atenção, gestão e investigação.  

Metodologia

O Curso de MPSF adota como principal estratégia de ensino-aprendizagem o uso das metodologias ativas, por destinar-se a um público adulto e pela possibilidade concreta de participação dos mestrandos e por valorizar a aprendizagem significativa de forma contextualizada, requisitos estes necessários para a construção de saberes de modo mais efetivo.

Estratégias Educacionais

Ancorados nas metodologias ativas propomos as estratégias educacionais, as quais conduzem à construção dos objetivos de aprendizagem em cada módulo. No Programa, os objetivos cognitivos se operacionalizam através dos grupos tutoriais (GT), estudo de caso, estudo dirigido, seminário, estudo de caso e miniexposição; os objetivos de habilidade através do treinamento de habilidade (simulações, dramatização, observação); os objetivos atitudinais através dos grupos tutoriais (GT), estudo de caso, simulações, dramatizações; e os objetivos mistos através dos projetos em equipe, práticas na comunidade e oficinas de trabalho.

Público alvo: Profissionais da área da saúde que estejam inseridos na atenção básica (ESF e NASF).

Aprovação pela CAPES: Nota 4

Financiamento: Ministério da Saúde

  • 1ª Turma – 2012-2014/6 nucleadoras/100 vagas/ 94 mestres
  • 2ª Turma – 2014-2016/9 nucleadoras/ 130 vagas/128 mestres
  • 3ª Turma – 2017-2019/9 nucleadoras/ 190 vagas/ 178 mestres

4a turma do MPSF:

  • Iniciou suas atividades em 2020.2
  • 170 mestrandos em 9 nucleadoras (5 estados)